Comandante Operacional Nacional visita Centro de Meios Aéreos de Porto de Mós

O projeto “Prevenir Já”, implementado, pela primeira vez em todo o território nacional, no ano de 2019, nasceu em 2012, na então Base de Reserva de Alcaria por ação dos GIPS/GNR em parceria com o Município de Porto de Mós.Neste sentido, o atual Centro de Meios Aéreos de Porto de Mós recebeu, hoje, a visita do Comando Nacional de Operações de Socorro, na pessoa do Comandante Operacional Nacional, Brigadeiro General Duarte Costa, com o objetivo de conhecer as instalações e de conhecer com mais detalhe a forma como este programa se implementou e desenvolveu.O projeto “Prevenir já” materializa-se numa fiscalização intensiva e completa de todas as
áreas inseridas nas faixas secundárias de gestão de combustível e numa estratégia de patrulhamento, assente no policiamento de proximidade e na sensibilização das populações em estreita colaboração com autarquias e comunidades locais, com o objetivo último de prevenção de incêndios florestais.Este ano, pela primeira vez, o projeto foi executado a nível nacional e coordenado a partir do CMA de Porto de Mós, e fez parte integrante de um plano alargado de prevenção florestal que visou, a médio e longo prazo, levar à mudança de comportamentos e mentalidades e, por conseguinte, reduzir significativamente o número de incêndios florestais em Portugal.A acompanhar a visita estiveram, também, o 2º Comandante Operacional de Leiria, Mário Cerol, o 2º Comandante do Agrupamento Distrital Centro-Sul, Belo
Costa, Diretor do Departamento Regional de Gestão e Valorização da Floresta, Carlos Ramalho e o Vice-presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós, Eduardo Amaral.


Notícia publicada pelo Municipio de Porto de Mós






Ajude a divulgar!
Partilhe esta notícia no


Ou dê o seu like!