7ª edição “A nossa cultura sai à rua”

A não perder  21 setembro  

 

No dia 21 de setembro, integrado nas Jornadas Europeias do Património 2019, este ano subordinadas à temática “Artes Património Lazer”, realiza-se o evento “Mexilhoeira Grande - A nossa cultura sai à rua, organizado pela Câmara Municipal de Portimão, Museu de Portimão e pela Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande.

Na sua 7.ª edição, esta iniciativa tem início às 9h30 com um passeio pelo património natural e vida selvagem da ria de Alvor, organizado pela Divisão de Ambiente da Câmara Municipal de Portimão. Com ponto de encontro às 9h30 na Espargueira – Quinta da Rocha (Ria de Alvor) 
ou às 9h10 na Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande, onde se disponibiliza transporte para o Local, os interessados em integrar este passeio gratuito, que terminará pelas 12h00, deverão inscrever-se através do endereço de email daes@cm-portimao ou do telefone 282 470 452.

Das 10h00 às 11h00, “A Nossa Cultura sai à Rua”, associa-se à promoção do deporto no concelho com uma aula de yoga no adro da igreja. A atividade requer inscrição prévia para o contacto 282 405 232.

Às 16h30 inicia-se à festa no adro da igreja matriz com a mostra de artes, saberes e produtos da Mexilhoeira Grande - A gastronomia com a confeção do pão em forno de lenha, a doçaria local, o medronho, o mel, entre outros
produtos; o artesanato com a empreita, cestaria em vime, cortiça, cadeiras de atabua e rendas; a agricultura, pesca e o marisqueio; e as crenças com mezinhas e rezas. Na mostra surgem ainda pequenos espaços expositivos dedicados às memórias e vivências da terra, este ano com um quarto tradicional recriado pela associação cultural, social e ambiental “Grão de Areia” e um espaço de representação de algumas atividades de cariz agrícola e rural.

A parte da tarde será animada com a partilha das histórias ligadas aos saberes contadas pelos próprios protagonistas das principais atividades de cariz rural da freguesia.

A animação musical, que contará com a participação do Rancho Folclórico da Figueira, do Grupo de Amigos da Figueira, do Grupo de Cantares Mexilhoeirense, concertinistas e grupo de baile, terá
início a partir das 17h30.

Os workshops, as oficinas e os ateliers também têm lugar na programação desta iniciativa e às 18h15 os visitantes podem aprender mais sobre a arte dos trapilhos. Este workshop está sujeito a inscrição prévia através do mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. document.getElementById(cloakb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc).innerHTML = ; var prefix = ma + il + to; var path = hr + ef + =; var addyb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc = ana.ramos + @; addyb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc = addyb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc + cm-portimao + . + pt; var addy_textb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc = ana.ramos + @ + cm-portimao + . +
pt;document.getElementById(cloakb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc).innerHTML += +addy_textb982d7fdf2aa179d017386fd0967c5dc+; , do contacto telefónico 282 405 232, ou haverá possibilidade de fazer a inscrição no próprio dia, no recinto da festa. Ateliers de amassar pão e de agricultura ou oficinas de construções de terra, como a taipa, pintura de cerâmica com pigmentos e trabalho em barro também integram a lista de atividades em que os visitantes poderão participar ao longo de toda a tarde.

Com a colaboração da empresa de turismo de natureza Burroville, regressam este ano os passeios de burro pelas ruas da Mexilhoeira para fazer as delícias dos mais pequenos e os jogos tradicionais reúnem crianças e adultos em torno de atividades como o jogo da macaca, o pião, o berlinde, o jogo do burro,
ou o lencinho da botica e na área dedicada ao património natural da Mexilhoeira será possível participar nos jogos ambientais e ficar a conhecer melhor a fauna e flora da freguesia. Este núcleo será dinamizado pelo biólogo do Município de Portimão, Filipe Bali.

Às 19h00 realizar-se-á uma visita guiada por Susana Santos à Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e às 21h30, um dos momentos altos do dia, a recriação da tradição da festa da descasca do milho e debulha, que decorrerá ao som de concertinas mexilhoeirenses.

A terminar a festa, um momento em torno da riqueza do património oral, com os versos, histórias e anedotas de uma filha da terra, a D. Alzira Gonçalves e em seguida o já habitual conjunto
de baile, com Paul (voz) e José Vicente (acordeão).

Este evento conta com a parceria de parte da tarde será animada com a partilha das histórias ligadas aos saberes contadas pelos próprios protagonistas das principais atividades de cariz rural da freguesia.

A animação musical, que contará com a participação do Rancho Folclórico da Figueira, do Grupo de Amigos da Figueira, do Grupo de Cantares Mexilhoeirense, concertinistas e grupo de baile, terá início a partir das 17h30.

Os workshops, as oficinas e os ateliers também têm lugar na programação desta iniciativa e às 18h15 os visitantes podem aprender mais sobre a arte dos trapilhos. Este workshop está sujeito a inscrição prévia através do mail Este endereço de email
está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. document.getElementById(cloakf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2).innerHTML = ; var prefix = ma + il + to; var path = hr + ef + =; var addyf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2 = ana.ramos + @; addyf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2 = addyf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2 + cm-portimao + . + pt; var addy_textf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2 = ana.ramos + @ + cm-portimao + . + pt;document.getElementById(cloakf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2).innerHTML += +addy_textf1cc2be9ad14d4a996d37114d5f74bf2+; , do contacto telefónico 282 405 232, ou haverá possibilidade de fazer a inscrição no próprio dia, no recinto da festa. Ateliers de amassar pão e de agricultura ou oficinas de
construções de terra, como a taipa, pintura de cerâmica com pigmentos e trabalho em barro também integram a lista de atividades em que os visitantes poderão participar ao longo de toda a tarde.

Com a colaboração da empresa de turismo de natureza Burroville, regressam este ano os passeios de burro pelas ruas da Mexilhoeira para fazer as delícias dos mais pequenos e os jogos tradicionais reúnem crianças e adultos em torno de atividades como o jogo da macaca, o pião, o berlinde, o jogo do burro, ou o lencinho da botica e na área dedicada ao património natural da Mexilhoeira será possível participar nos jogos ambientais e ficar a conhecer melhor a fauna e flora da freguesia. Este núcleo será dinamizado pelo biólogo do Município de Portimão, Filipe Bali.

Às 19h00 realizar-se-á uma visita guiada por Susana Santos à
Santa Casa da Misericórdia da
Mexilhoeira Grande e às 21h30, um dos momentos altos do dia, a recriação da tradição da festa da descasca do milho e debulha, que decorrerá ao som de concertinas mexilhoeirenses.

A terminar a festa, um momento em torno da riqueza do património oral, com os versos, histórias e anedotas de uma filha da terra, a D. Alzira Gonçalves e em seguida o já habitual conjunto de baile, com Paul (voz) e José Vicente (acordeão).

Este evento conta com a parceria de associações locais como “Grão de Areia” e “A Rocha”, a Sociedade Recreativa Figueirense, o Clube de Instrução e Recreio Mexilhoeirense, a Paróquia da Nossa
Senhora da Assunção, da Mexilhoeira Grande, a Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e o apoio de toda a comunidade, particulares e comerciantes, que se envolve, participa e contribui ativamente para o sucesso desta iniciativa.

21 setembro | 09h30 - 23h00  Adro da Igreja Matriz e Ruas da Mexilhoeira Grande  Entrada Gratuita

 Organizado pela Câmara Municipal de Portimão, Museu de Portimão e pela Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande.

<a
href="/component/search/?searchword=7ª%20edição&areas[0]=tortags&Itemid=248" title="7ª edição">7ª ediçãoCULTURA SAI À RUAJORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIOMEXILHOEIRA GRANDEMUSEU DE PORTIMÃO 000s2sdefault
Notícia publicada pelo Municipio de Portimão






Ajude a divulgar!
Partilhe esta notícia no


Ou dê o seu like!